You are currently browsing the daily archive for outubro 13, 2008.

Turismo: Salvador | Bahia

A capital baiana é parte fundamental da história brasileira. Salvador foi o primeiro foco de colonização européia na América do Sul e a primeira capital do Brasil. Sua área abrange 313 km2 às margens da baía de Todos os Santos, com população de quase 3 milhões de habitantes.

Sua composição demográfica indica a existência de 52,9 % de mulheres e 47,1 % de homens em sua população, composta, em sua maioria, de descendentes de portugueses, africanos e índios nativos. A cidade possui traços culturais marcantes, ligados à religiosidade de raízes africanas e ao misticismo, que se traduzem em diferentes tipos de rituais e festas populares.

A cidade foi construída em dois níveis distintos – “cidade alta” e “cidade baixa” – ligados tanto por elevadores destinados a pedestres, quanto por vias de acesso a meios de transporte rodoviários. O clima favorável durante o ano inteiro e a ampla infra-estrutura voltada para o turismo fazem com que Salvador esteja recebendo, permanentemente, visitantes estrangeiros e de outros Estados do Brasil. No entanto, é durante os festejos de Carnaval que a procura por lazer na cidade aumenta consideravelmente, tornando-a conhecida pela grande festa que dura 4 dias.

Além do Carnaval, outras festas também importantes mobilizam a população da cidade e turistas que chegam de todas as partes do mundo. São os festivais ligados ao sincretismo religioso oriundo da fusão do catolicismo e da religião africana chamada “candomblé”. Entre as festas mais populares encontram-se a de Nossa Senhora da Conceição, no dia 8 de dezembro, a procissão marítima em homenagem ao Senhor dos Navegantes, no dia 1º de janeiro, a festa do Senhor do Bonfim, na segunda quinta-feira de janeiro, e a festa de Yemanjá, em homenagem à deusa das águas, no dia dois de fevereiro. Poucos locais no mundo possuem o forte misticismo existente em Salvador, também conhecida como Terra de Todos os Santos ou Terra dos Orixás. Existem centenas de terreiros espalhados pela cidade, numa relação complementar ao catolicismo dominante. As igrejas da Bahia são tão numerosas que um ditado diz haver uma para cada dia do ano.

Existem mais de vinte mil vagas para turistas em hotéis de várias categorias na cidade, localizados à beira-mar ou em seus sítios históricos. A indústria do turismo emprega milhares de pessoas em Salvador, embora sua economia também esteja baseada nas atividades de comércio, serviços, nos pólos industriais existentes e na produção de frutas.

Famosas pela beleza natural e pela agradável temperatura de suas águas, as praias do litoral baiano são muito procuradas por turistas do mundo inteiro. Em Salvador as praias se estendem por uma extensão de 50 km, que incluem Porto da Barra e Itapuã entre as mais conhecidas, além da praia do Forte, localizada na direção norte da cidade.

Uma das atrações turísticas obrigatórias na capital baiana é o Pelourinho, patrimônio da humanidade tombado pela UNESCO em 1985. O Pelourinho constitui-se de um conjunto de edifícios históricos e monumentos localizados numa área denominada “Centro Histórico”, onde se encontram também galerias de arte, restaurantes, comércio de artesanato, a Associação Carnavalesca Afro Olodum e a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, construída por escravos no século XVIII.

—–
+ Veja também:


Atualizações

Categorias

outubro 2008
D S T Q Q S S
« set   nov »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031