LG lança a TV de LCD mais fina do Brasil

A LG Electronics lançou no Brasil a TV LCD Scarlet LG, a TV de LCD mais fina do mercado brasileiro, com apenas 8 cm de espessura.

A LG conferiu uma personalidade especial a essa TV de design exclusivo ainda na fase de desenvolvimento. “A Scarlet tem um design tão diferenciado que é quase como se estivéssemos conhecendo alguém pessoalmente – uma mulher bela e inteligente. Isso nos inspirou a desenvolver uma campanha de marketing totalmente nova – algo que ninguém na LG, ou mesmo na indústria – tivesse tentado antes”, disse Lee.

A personificação da TV foi dividida em diferentes categorias, com base nas características do aparelho. Para o exclusivo tom avermelhado da parte de trás, para a luz de cor variável no anel em LED do botão liga/desliga e para os alto-falantes invisíveis, a melhor descrição é “fascinante”; para a resolução Full HD de 1.080 linhas que reproduz o máximo da qualidade da TV de alta definição e para o som projetado por Mark Levinson, especialista em áudio mundialmente renomado e guru dos produtos de áudio de alta tecnologia, a melhor tradução para a nova TV é “envolvente”; para o sensor inteligente para ajustes automáticos de imagem, a Scarlet é “inteligente”; pela alta conectividade composta pela conexão USB para músicas, fotos e vídeos e por três conexões HDMI, concluímos que ela é “extraordinária”. Todas essas qualidades – fascinante, envolvente, inteligente e extraordinária – foram incorporadas às mensagens de marketing e nortearam também a escolha da pessoa que representaria a “Scarlet”.

Quando David Nutter, o “rei dos pilotos de séries para a TV” de Hollywood, aceitou participar do projeto, Lee soube que seria um sucesso, uma vez que o envolvimento de Nutter fazia com que o público realmente acreditasse se tratar de uma nova série de TV. Isso deixou toda a equipe da LG confiante de que seria possível levar a idéia adiante. “Eu soube que isso funcionaria desde o primeiro instante que a equipe da LG me apresentou a idéia da campanha”, disse Nutter. “Nunca houve hesitação.”

David Nutter escolheu pessoalmente a protagonista Scarlet. Ele queria que Scarlet fosse inteligente e tivesse uma beleza misteriosa, como o aparelho de TV, além de uma origem mais multicultural, para atrair os públicos mais diversos. Assim, escolheu a atriz Natassia Malthe, metade norueguesa e metade malaia. A curiosidade em torno da atriz começou a aumentar quando ela compareceu à premières de filmes, desfiles de moda e eventos como a cerimônia de premiação do BAFTA, em Londres e do Oscar, em Los Angeles. A campanha publicitária, meticulosamente planejada, incluiu até rumores sobre possíveis romances com grandes celebridades, para criar ainda mais sensação.

Nesse meio tempo, Raymond Khoury, autor do romance “O Último Templário”, um best-seller internacional, juntou-se à equipe para escrever o script e os comerciais para a televisão. Atores como AJ Buckley (“CSI: NY”) e Assaf Cohen (“Entourage”) também foram contratados para fazer aparições rápidas em comerciais para a televisão, dirigidos por David Nutter e veiculados em diversos países durante a fase de preparação para o lançamento.

Com atividades de marketing on-line e off-line, a campanha passou por uma fase de alto sigilo antes da revelação e pela fase pós-revelação.

Por fim, Scarlet revelou seu segredo, finalizando uma das mais ousadas campanhas de marketing já executadas por uma grande marca de produtos de consumo.

—–
+ Veja também: