Fidel Castro anuncia renúncia à presidência de Cuba

Em carta publicada no jornal estatal Granma, o líder cubano Fidel Castro, que permaneceu mais de 46 anos à frente do poder em Cuba, anunciou que não voltará a ocupar a presidência. Lutando para manter-se em boa saúde após uma cirurgia no intestino, Castro estava afastado do poder desde julho de 2006, quando passou o comando do país ao irmão, Raúl. Na mensagem ao povo cubano, Fidel prometeu continuar escrevendo artigos, mantendo o papel de “soldado das idéias” que assumiu nos últimos meses em Cuba.

Fidel Castro CubaNa carta de despedida, Fidel fala ainda das limitações que os problemas de saúde trouxeram, ressaltando que “trairia sua consciência assumir uma responsabilidade que requer mobilidade e entrega total, o que não estou em condições físicas de oferecer.” E acrescenta: “Falo isso sem drama.”

“A meus caros compatriotas, que me deram a imensa honra de me eleger, recentemente, como membro do Parlamento (…) comunico que não desejarei nem aceitarei – repito – não desejarei nem aceitarei o cargo de Presidente do Conselho de Estado e Comandante Chefe”, diz a carta.

Fonte: UOL

—–
+ Veja também:

Anúncios